Crémant du Jura Indigène

Produtor: Domaine Tissot
Tipo: Espumante médio
Uvas: Chardonnay 50%, Pinot Noir 40%, Poulsard e Trousseau 5%

Descubra esse espumante
Stéphane Tissot produz uma verdadeira raridade no Jura! Indigène é um crémant bem maduro que no primeiro ataque em nariz já traz notas de frutas assadas com deliciosas nuances de brioche e pão de gengibre. A boca é uma delícia, ampla, untuosa, harmoniza entre untuosidade e frescura, riqueza e delicadeza. Possui uma perlage de bolhas delicadas e finas e final seco e longo. É um vinho encantador, puro e refinado.

Saiba o que você vai beber

Stéphane Tissot produz uma verdadeira raridade no Jura! Indigène é um crémant bem maduro que no primeiro ataque em nariz já traz notas de frutas assadas com deliciosas nuances de brioche e pão de gengibre. A boca é uma delícia, ampla, untuosa, harmoniza entre untuosidade e frescura, riqueza e delicadeza. Possui uma perlage de bolhas delicadas e finas e final seco e longo. É um vinho encantador, puro e refinado.


A produção desse espumante é biodinâmica

Colhida em engradados, prensagem pneumática, fermentação em cuba para 40% e em barris para 60%, com vinificação sem sulfito para 60% dos volumes. Envelhecimento “sur lie” (sobre borras) por 4 meses, fermentação maloláctica ocorre neste período, passagem em frio natural. Em Janeiro, este vinho é engarrafado para efetuar a segunda fermentação (tomada de espuma ou prise de mousse): em vez de utilizar leveduras industriais, é usado vin de paille em fermentação (contendo leveduras ativas). A segunda fermentação em garrafa dura, portanto, de 6 a 7 meses (em vez de 2 meses com leveduras industriais). As leveduras indígenas trarão então muito mais complexidade, maciez e gordura. Para a tomade espuma, o aporte de açúcar é na forma de vin de paille não fermentado e de suco de uva congelado. Portanto, 100% das leveduras e açúcar são do Domaine Tissot. Envelhecimento sur lie em garrafas por 18 meses, dégorgement sem dosagem ou sulfito. O vinho é seco, com menos que 1 gr de açúcar.

Saiba tudo sobre Crémant du Jura Indigène

Tipo Espumante - seleção de la Croix vinhos franceses
Tipo
Espumante médio
Região Jura (AOC Crémant du Jura) - seleção de la Croix vinhos franceses
Região
Jura (AOC Crémant du Jura)
Uvas Chardonnay 50%, Pinot Noir 40%, Poulsard e Trousseau 5% - seleção de la Croix vinhos franceses
Uvas
Chardonnay 50%, Pinot Noir 40%, Poulsard e Trousseau 5%
Tamanho 750 ml - seleção de la Croix vinhos franceses
Tamanho
750 ml
Graduação alcoólica 12º - seleção de la Croix vinhos franceses
Graduação alcoólica
12º
Produção Biodinâmica - seleção de la Croix vinhos franceses
Produção
Biodinâmica
Harmonização Terrines e embutidos, carnes vermelhas cozidas ou assadas, cogumelos. - seleção de la Croix vinhos franceses
Harmonização
Terrines e embutidos, carnes vermelhas cozidas ou assadas, cogumelos.
Serviço Melhor servir entre 7 e 10 graus. - seleção de la Croix vinhos franceses
Serviço
Melhor servir entre 7 e 10 graus.
Tempo de guarda Pronto e pode ser guardado por mais 10 anos. - seleção de la Croix vinhos franceses
Tempo de guarda
Pronto e pode ser guardado por mais 10 anos.

Conheça o produtor Domaine Tissot

O domaine foi criado nos anos 50 pelos pais de Stéphane, André et Mireille Tissot, em Montigny-les-Arsures. Stéphane, hoje à frente do domaine com sua esposa Bénédicte, vinificou sua primeira safra em 1989. Em 1999 o vinhedo foi convertido em agricultura orgânica e, em 2004, para Biodinâmica (ambas certificadas).

Stéphane Tissot é um vinhateiro irrequieto que gosta mais da prática do que da teoria. Sua plena realização se encontra  nas vinhas e na cave onde desenvolve com afinco...
Você gostaria de conhecer mais o Domaine Tissot, clique aqui.
Conheça outros vinhos do Domaine Tissot, clique aqui.


Conheça a região Jura

Originalidade e autenticidade são as qualidades do vinhedo e dos vinhos jurassianos!

 

Hoje, os holofotes do mundo se direcionam para o Jura e seus vinhos, mas nem sempre foi assim. Há mais de 10 anos essa região era completamente marginal, porém guardava tesouros preservados de todas as tendências mundiais padronizadas. Esses tesouros vêm de um modo de vida simples, com produtos do campo, ...
Você gostaria de conhecer mais a região Jura, clique aqui.
Conheça outros vinhos da região Jura, clique aqui.

Buscar