Fale conosco e tire todas suas duvidas

Fale conosco no Whatsapp

Côtes du Rhône

Itens 11 para 16 de 16 total

Página:
  1. 1
  2. 2
  1. Côte Rôtie, 2016
    encorpado Tinto

    Côte Rôtie, 2016

    Domaine Jean -Michel Stephan
    Cotes du Rhone (Cote Rotie)
    Um Côte Rôtie natural, de terroir inovador e verdadeira expressão. Jean Michel Stephan é um artesão no sentido nobre, os vinhos que ele produz são verdadeiros concentrados de delicadeza, elegância, fruta, frescura, mineralidade, mas especialmente de grande pureza. Acentuadas notas de frutos silvestres com especiarias e aromas de cereja, notas de azeitona, flores secas, carne defumada e notas sutis de baunilha. Muito fresco e com boa mineralidade, oferece sabores de frutas pretas como amora e cereja, pimenta branca. A nota de carne repete-se num final longo e suculento, emoldurado por taninos harmoniosos e sedosos.
    R$489,00
  2. 3 LAND, 2016
    encorpado Tinto

    3 LAND, 2016

    Domaine du Coulet
    Vin de France
    Matthieu Barret convida mais dois amigos vignerons para produzir um vinho natural com a assemblage de três uvas bem diferentes: syrah, mondeuse e a gamay. No nariz temos especiarias e muito floral, alcaçuz, cereja e violeta. Em boca é muito comum o poder do syrah de Cornas, a fruta da Gamay e a delicadeza da mondeuse. Um vinho de sede!
    R$491,00
  3. Billes Noires, 2015
    encorpado Tinto

    Billes Noires, 2015

    Domaine du Coulet
    Cornas
    A famosa cuvée "Billes Noires" produzida com 100% Syrah da região de Cornas. Um pouco austero em sua juventude, o vinho revela ao longo do tempo belos aromas de frutas negras, especiarias e ervas secas. Na boca é sedoso e puro, reto, dotado de uma frescura excepcional e requinte aromático. Um néctar de elegância sutil e muito sabor!
    R$626,00
  4. Coteaux de Tupin, 2015
    encorpado Tinto

    Coteaux de Tupin, 2015

    Domaine Jean -Michel Stephan
    Cotes du Rhone (Cote Rotie)
    Coteaux de Tupin, 2015 por Jean-Michel Stephan é um vinho complexo proveniente das encostas superiores de Tupin, em terroir de terraços de granito e gnaisse, típicos da denominação do Sul da Côte-Rôtie. Jean Michel é um purista, não química, nem em viticultura, nem em vinificação nesta cuvée de 100% Serine (variedade de Syrah indígena e não clonado). É a variedade original da Syrah, pura, e que torna os vinhos mais finos, mais amplos e especialmente muito mais complexos.
    R$658,00
  5. Côteaux de Bassenon, 2016
    encorpado Tinto

    Côteaux de Bassenon, 2016

    Domaine Jean -Michel Stephan
    Cotes du Rhone (Cote Rotie)
    Artista e verdadeiro ourives do vinho, Jean-Michel Stephan trabalha numa pequena adega sem artifícios para produzir vinhos com fruta, frescura e pureza. Este Côteaux de Bassenon entrega aromas clássicos de violeta, frutos pretos e pimenta, realçado por toques amadeirados e de azeitonas pretas. Seus taninos estão maduros e arredondados e tem final delicioso e longo.
    R$671,00
  6. Ogre,  2014
    encorpado Tinto

    Ogre, 2014

    Domaine du Coulet
    Cornas
    Matthieu Barret produz vinhos em Cornas com certificação biodinâmica desde 1998. Ogre é tão especial que não é produzido todos os anos, é um vinho que se expressa em notas de frutas quase compotadas e minerais. Definitivamente um vinho de longa guarda!
    R$796,00

Itens 11 para 16 de 16 total

Página:
  1. 1
  2. 2