Champagne Vieille Vigne du Levant Grand Cru Extra Brut 2011

9 últimas garrafas

Tipo: Espumante leve
Uvas: 100% Chardonnay

Descubra esse champagne
As vinhas velhas du Levant se beneficiam de um terroir excepcional. As raízes profundas e a diversidade das vinhas velhas contribuem para a complexidade do vinho. O lieu-dit desta cuvée é “Bourron du Levant” - Levant significa Leste, se beneficiando assim dos primeiros raios de sol da manhã. O lado leste de Cramant oferece uvas particularmente ricas e poderosas, é realmente um lugar mágico.

Saiba o que você vai beber

Um vinho intenso e profundo. Você precisa de um tempo para deixá-lo abrir, então você poderá apreciar seu poder, complexidade e grande extensão. De acordo com William Kelley da The Wine Advocate: “Um nariz profundo e complexo com notas de raspas cítricas, maçãs amarelas crocantes, fumaça, pão quente, óleo de tangerina e casca de ostra, é encorpado e carnudo, mas incisivo, com uma boa concentração, ácidos brilhantes e um longo final intensamente salino".


A produção desse champagne é biodinâmica

As uvas são delicadamente prensadas e os sucos muito levemente sedimentados. A fermentação alcoólica natural (leveduras indígenas) e a fermentação malolática são desencadeadas espontaneamente em barris e grandes barris Stockinger. Os vinhos são envelhecidos com borras naturais durante o primeiro ano sem filtração ou colagem. O engarrafamento é feito no final de julho sem misturar com outros anos – esta cuvée é safrada (millésime ou vintage) - e sem assemblage com outros terroirs. As garrafas são levadas até o frescor das caves, onde a segunda fermentação e o envelhecimento “sur lattes” (em ripas de madeira) acontecem, silenciosamente, por mais 7 a 8 anos. Cada garrafa é dégorgée (dégorgement) manualmente 6 meses antes da comercialização. A dosagem é muito discreta para melhor apreciar o equilíbrio e a grande longevidade desta cuvée (2g/L).

Saiba tudo sobre Champagne Vieille Vigne du Levant Grand Cru Extra Brut 2011

Tipo Espumante - seleção de la Croix vinhos franceses
Tipo
Espumante leve
Região Champagne (AOC Champagne Grand Cru Cramant)  - seleção de la Croix vinhos franceses
Região
Champagne (AOC Champagne Grand Cru Cramant)
Uvas 100% Chardonnay - seleção de la Croix vinhos franceses
Uvas
100% Chardonnay
Safra 2011 - seleção de la Croix vinhos franceses
Safra
2011
Tamanho 750 ml - seleção de la Croix vinhos franceses
Tamanho
750 ml
Graduação alcoólica 12,5° - seleção de la Croix vinhos franceses
Graduação alcoólica
12,5°
Produção Biodinâmica - seleção de la Croix vinhos franceses
Produção
Biodinâmica
Harmonização Pode ser degustado como  aperitivo, com aves, com cogumelos. A riqueza desta cuvée vai combinar com pratos cremosos.  - seleção de la Croix vinhos franceses
Harmonização
Pode ser degustado como aperitivo, com aves, com cogumelos. A riqueza desta cuvée vai combinar com pratos cremosos.
Serviço Melhor abrir 30 min antes de servir entre 6 e 10 graus. - seleção de la Croix vinhos franceses
Serviço
Melhor abrir 30 min antes de servir entre 6 e 10 graus.
Tempo de guarda Pronto e pode ser guardado por mais de 10 anos. - seleção de la Croix vinhos franceses
Tempo de guarda
Pronto e pode ser guardado por mais de 10 anos.

Conheça o produtor Champagne Larmandier-Bernier

A maison Larmandier-Bernier foi criada em 1971 por Philippe Larmandier e sua esposa Elisabeth Bernier. Os Larmandier contribuíram enormemente para o renome da Côte des Blancs com a famosa cuvée Cramant Blanc de Blancs Nature. 


Hoje, Pierre e Sophie Larmandier, estão à frente da maison, e desde 1990 escolheram a viticultura orgânica com a prática da Biodinâmica, pois acreditam que o bom champanhe, como qualquer bom vinho, começa sua vida na vinha. Para el...
Você gostaria de conhecer mais o Champagne Larmandier-Bernier, clique aqui.
Conheça outros vinhos do Champagne Larmandier-Bernier, clique aqui.


Conheça a região Champagne

Um vinho sagrado desde sua origem!

A história de Champagne e seus vinhos se confunde com a história da França. Até a Idade Média, foram os religiosos que se ocuparam das vinhas da região. Foi Saint-Remi, bispo de Reims, que batizou Clovis, rei da França, ao se converter no ano de 496. Alguns anos mais tarde, o casamento de Joana I de Navarra e Filipe IV de França ou Filipe, o Belo unificou definitivamente o condado de Champagne à coroa da França. Todos os eventos importantes, tanto n...
Você gostaria de conhecer mais a região Champagne, clique aqui.
Conheça outros vinhos da região Champagne, clique aqui.

Buscar